14.10.15









TROFÉU REDENTOR - Por seu papel como um jogador de futebol atormentado no filme "Aspirantes", o cearense Ariclenes Barroso foi escolhido o Melhor Ator, da edição 2015 do Festival do Rio. Com jeito de um "James Dean-Cabra da peste", ele cativou o público com sua atuação. Mas "Aspirantes" não foi o único filme que teve o ator em seu elenco. "Jonas", estrelado por Jesuíta Barbosa, Laura Neiva e o cantor Criolo, também contou com a presença de Ariclenes, dessa vez interpretando um bandido tão perigoso quanto neurótico. Outra atuação de destaque. Ariclenes Barroso esteve no elenco de filmes como "Tatuagem", "Luz nas Trevas: A volta do Bandido da Luz Vermelha" e "Se Deus vier que venha armado". 









TROFÉU REDENTOR - A exemplo do que aconteceu no ano passado, um filme pernambucano foi o grande vencedor da edição 2015 do Festival do Rio. Como aconteceu com "Sangue Azul" em 2014, Boi Neon ganhou o Troféu Redentor de Melhor Filme. "Boi Neon" também levou os prêmios de Melhor Roteiro para o diretor Gabriel Mascaro, Melhor Fotografia para Diego Garcia e Melhor Atriz Coadjuvante para Alyne Santana. Ivens Rosenfeld, diretor de "Aspirantes" dividiu com Anita Rocha de "Mate-me por favor" o prêmio de Melhor Direção. Sergio Mekler venceu Melhor Montagem pelo filme Campo Grande e Valentina Hersage ganhou Mewlhor Atriz, por sua atuação em "Mate-me por favor".

A lista completa dos vencedores está AQUI



Nenhum comentário: